A humanidade desde seu princípio tem clamado por paz. O pecado é um fardo pesado, e a separação que ele causa de Deus é a mais profunda dor da alma. Mas Deus sabendo exatamente o que precisávamos, envia-nos sinais de um novo tempo que estaria chegando para a humanidade. Então 700 anos antes da chegada deste salvador a terra Ele compartilha a boa notícia de como seria este Salvador: Príncipe da Paz (Isaías 9.6).

Em hebraico, as palavras rei e príncipe são usadas indistintamente. O que significa que o príncipe é visto no mesmo patamar de um rei; ele possui autoridade, delegação de ordens, uma posição de realeza como a do rei. Então Jesus não é somente o Príncipe da Paz, Ele é o Rei da Paz. E como Rei da Paz, somente Ele é o autor e o doador da verdadeira paz.

Em hebraico, a palavra para “paz” é shalom, uma palavra muito mais significativa do que você imagina. Shalom significa bem-estar completo – não simplesmente um sentimento de claridade mental ou emocional. Significa estar completo, cheio, e não tendo falta alguma. Isso soluciona a agitação e preenche todo vazio. Onde quer que Jesus andava aqui na terra, Ele trazia totalidade, plenitude. O cego via, os doentes eram curados, as tempestades acalmadas, o pecador arrependido era perdoado.

Shalom não pode existir em um coração que está vazio de Jesus Cristo; não pode existir em um coração que está dividido entre o amor de Deus e o amor do mundo. Então como podemos receber esta paz? Experimentar a paz do Príncipe da Paz significa entregar por completo todo o nosso ser a Ele. Só podemos desfrutar  a paz duradoura e eterna porque Jesus, Ele mesmo se tornou a nossa paz através de Seu sacrifício (veja Efésios 2.14-18).

Nossa paz custou a Jesus um alto preço, pois Ele morreu na cruz por nossos pecados. Ele sofreu para que nós encontrássemos alegria, contentamento, e a paz no relacionamento restaurado com o Pai. Por meio de Cristo, o muro de separação foi quebrado; por meio de Cristo, podemos experimentar paz em meio as tempestades da vida; por meio de Cristo, podemos experimentar completude e satisfação.

Oração: “Príncipe da Paz, mostre-me as áreas de minha vida que ainda não tenho entregado a Ti. Ajude-me coloca-las aos teus pés; em nome de Jesus Cristo que eu oro. Amém”.

Joelson Moabes Domingos

Inspirado no Devocional “Leading the Way”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*